Os Hábitos dos Escritores Altamente Eficazes

Você fica verde de raiva por não conseguir escrever e publicar com a frequência que gostaria? Se você vive ou pretende viver de livros, você precisa cultivar bons… hábitos. 

habitos-do-escritor-prolifico

O autor independente tem, pelo menos, duas tarefas que precisa cumprir diariamente: escrever e promover. Alguns escritores sugerem que você destine 20% do dia à escrita e 80% para outras atividades como promoção e vendas.

Independente de porcentagens ou regras, é importante saber dividir bem as duas, já que uma requer o foco do seu cérebro emocional e a outra do seu cérebro racional. Em ambos os casos, tudo depende de hábito. Só ele é capaz de tornar sua escrita mais prolífica e seu marketing mais consistente.

Se você deseja mesmo viver da escrita precisa descobrir quando sua mente está mais criativa para produzir conteúdo. Provavelmente é no período em que as Ondas Gama do seu cérebro estão no pico.

Ondas cerebrais

Caso não saiba, as Ondas Gama são responsáveis por aquele estado de hiperatividade e aprendizado ativo. O cérebro as produz quando estamos fazendo tarefas que necessitam de muito foco e são relevantes para o processamento de informação, memória e percepção. Desta forma, naquele momento do dia em que você se sente mais “acordado” e produtivo, você está produzindo Ondas Gama. Eis uma excelente hora para escrever.

Para isto, desenvolver o hábito de listar as tarefas mais importantes do dia é um passo crucial do escritor altamente eficaz. Naturalmente, “escrever” precisa ser uma destas tarefas, senão a primeira. Saiba que ela rende mais quando você a agenda para o período de maior produtividade cerebral.

Como já disse em algum post em um passado não muito remoto, sempre procuro fazer cinco ações diárias de promoção de meus livros. Então, nos outros períodos em que os “raios gama” não me transformam em um Hulk das letras, o foco está em fazer com que meu trabalho chegue às mãos de cada vez mais leitores.

Com relação à escrita, muita gente pensa em números de palavras como um gol. É uma maneira válida de desenvolver um hábito. Por outro lado, não adianta muito escrever 1000, 2000, 5000 palavras por dia se elas não têm consistência. No caso da escrita, consistência é fazer as palavras contarem e não o contrário. É primar pela qualidade e não pela quantidade.

Para isto, duas outras tarefas precisam constar no seu calendário semanal e também serem habituais: planejar e aprender.

Costumo deixá-las para as sextas-feiras, quando organizo a agenda da semana seguinte e separo um tempo para ler e aprender coisas novas. Na minha agenda, a sexta-feira é um “learning day”. Saio em busca de novas informações relevantes para meu crescimento pessoal e profissional.

Neste dia também planejo. Planejar, além de contribuir muito para a consistência do seu trabalho, é extremamente útil em outra tarefa difícil: dizer não para projetos que você não tem tempo ou não fazem parte do seu objetivo.

Desta forma, para conseguir escrever tantos livros em tão pouco tempo, tenho aprimorado o hábito de:

1. Escrever: faço isto entre 4 da tarde e 8 da noite, que é quando meu cérebro está no auge das Ondas Gama. Muita gente prefere escrever pela manhã ou de madrugada. Enfim, você já deve saber muito bem quais são seus horários de “criatividade máxima”.

2. Promover: separo duas horas para as cinco ações de marketing diárias que me proponho: postar nas redes sociais, responder e-mails e mensagens, fazer um anúncio, enviar um e-mail para a minha lista, criar materiais de divulgação, verificar relatórios, entre outras.

3. Planejar: geralmente não escrevo às sextas-feiras e uso meu horário de pico deste dia para planejar um livro novo e para organizar a agenda da semana seguinte.

4. Aprender: quando faço pesquisas para um livro ou apenas leio por entretenimento. Leio pelo menos 15 minutos todos os dias sobre temas variados e uso as sextas-feiras para as leituras relacionadas aos livros que estou planejando. Como bem disse Larry King: “Escreva. Reescreva. Quando não estiver escrevendo ou reescrevendo, leia. Não conheço outro atalho.”

018habitos_art[1]

Isto faz com que, muitas vezes, eu esteja envolvido com quatro livros em estágios diferentes na mesma semana:

1. O livro que estou planejando. O que também me leva a pesquisar e ler assuntos relacionados ao tema.
2. O livro que estou escrevendo. De segunda à quinta, com sol ou com chuva.
3. O livro que estou produzindo. Aquele que está em fase de pré-publicação. Leia-se revisão, formatação, design, publicação.
4. Os livros que estou promovendo, com foco no último lançado sem abandonar os que já são parte do meu “catálogo”.

Ser mais produtivo requer também mais alguns hábitos:

  • Ter Disciplina: você encontra dicas preciosas sobre isto e como implementar estes hábitos, especialmente se a escrita não é o que te sustenta no post 13 Dicas de Organização do Tempo Para Escritores“.
  • Medir Resultados: avalie como anda a consolidação de seus hábitos. Isto ajuda também a medir o sucesso. Costumo usar uma planilha onde coloco a data, o tempo gasto, o título do livro, o número de palavras escritas e o local onde escrevi para monitorar a produtividade da escrita e outra planilha com data, ação e resultados para avaliar as ações de marketing.
  • Manter o Foco: use bem a Regra do 80/20 e tenha sempre em mente que 80% dos seus resultados vêm de 20% de seus esforços. Isto ajuda bastante a dizer não e também a não se meter em tarefas que podem muito bem serem terceirizadas.

Resumindo, tornar-se um escritor que escreve e publica bastante depende de hábitos consistentes. Sei que cada pessoa funciona de uma maneira, então, cabe a você estabelecer e praticar seus hábitos de acordo com seu tempo e disposição.

Deixe seu comentário sobre os hábitos que considera mais importantes para um escritor.

Um abraço,
Eldes Saullo

****

30 comentários Adicione o seu

  1. Ana Luiza disse:

    Muito boas as dicas. estou de pleno acordo. Mas ainda não consegui ler todos os posts.

  2. Walkiria disse:

    Ola, obrigada pelas dicas!
    Mas como saber se me livro é realmente bom?
    A quem mostro primeiro?
    Walkiria Ank

    1. Eldes Saullo disse:

      Olá, Walkiria. Procure por leitores betas na Internet, que certamente te darão um feedback honesto sobre o livro.

  3. Sempre bom encontrar com pessoas que amam escrever.

  4. Barbara Mayra disse:

    Adorei as dicas!

    1. Guerra sem testemunha, de Osman Lins, é uma grande obra sobre o drama do ESCRITOR. Após ter o livro todo riscando e sublinhado, nas partes mais interessantes, tive o carro furtado e com ele, foi-se o livro que lia com paixão.

      Sei que escrever é hábito fácil até, mas o medo, a covardia, o desencanto com a vida e seu tempo, são elementos embaraçadores.

  5. Carlinhos Columbia disse:

    A abordagem do tema me trouxe lembranças . Meus trabalhos que se antecederam , decorriam em tentativas aparentemente inúteis. Persistente, com tempo , como a água que corre , instintivamente alcancei tais conclusões . detalhes de suma importância pois escrever não é abandono e sim disciplina e aproveitamento .

  6. Josias Pimentel disse:

    Adorei as dicas de disciplina, pois toda organização produz bons resultados. Gosto de escrever pela manhã cedo… dedico meus primeiros horários a escrever. Depois leio um pouco e pesquiso novas coisas. Valeu Saulo!!!

  7. vaniabonadio disse:

    Indisciplina é o meu ponto fraco! Tenho que rever isso com urgência! Aprender a me organizar e manter o foco! Agora é pra valer! Abraços Eldes! E obrigada pelas dicas!

  8. Moises Bassi disse:

    Ola Eldes, boa tarde!

    Recebo seus e-mail periodicamente e quase não abro para ver o conteúdo, não por não acreditar no que vem dizendo sobre ser escritor independente, mas pelo fato de não acreditar em mim mesmo como um escritor de sucesso.

    Tenho em rascunhos muitas poesias escritas, as quais a maioria são referentes à minha esposa, mas por mais que ela aprecie minhas poesias eu ainda duvido que sou capaz de alcançar outras pessoas pelo fato de já ter um pequeno livro, porém sem sucesso.

    Fico a pensar se realmente seria possível escrever para outras pessoas a ponto de apreciar meu trabalho como escritor.

    Sou marceneiro e apaixonado pela poesia desde de menino, mas escrevo a pouco mais de 4 anos.

    Estou tentando colocar meus rascunhos em ordem, mas o tempo é outro inimigo meu, pois não disponho de tempo para isso.

    Vou pegar estas dicas que você me enviou e tentar colocar em prática para ver o que vai dar, ai então, quem sabe ter coragem de encarar de vez este trabalho, que, para mim é um dos mais gratificantes que Deus nos deixou, o dom de escrever…

    Um abraço e não se esqueça de mim!
    rsrsrsr

    1. Eldes Saullo disse:

      Moisés, uma coisa que aprendi é que quando a gente diz que não pode ou diz que pode, em ambas estamos certos. Determinação e disciplina são as chaves do sucesso. Um abraço e aguardo notícias de seus livros!

  9. Adorei as dicas, estarei acompanhando o blog sempre. Tenho uma dúvida com relação a e-books. Vejo muito alguns escritores falarem sobre que os primeiros é sempre bom a gente distribuir de graça, mas vejo preços bem camaradas na amazon por exemplo. Você acha que deixar o e-book de graça é uma boa?
    Abraços!

    1. Eldes Saullo disse:

      Peu, e-books gratuitos são importantes para divulgar seu trabalho, como marketing de outros livros seus e gerar cadastro para sua lista de e-mail. O e-book gratuito precisa funcionar como uma alavanca. Se você tem um livro só, recomendo disponibilizar o primeiro capítulo grátis. A Amazon ajuda nisto com as amostras. No mais, acredito que o e-book gratuito precisa fazer parte de uma estratégia.

      1. Obrigado pela dica. Vlw.

  10. Alan Rodrigo disse:

    Muito bom!
    Meu sonho é viver da escrita e lendo isso me faz pensar que é possível.

    1. Eldes Saullo disse:

      Alan, Determinação e Disciplina. As duas palavras com D que fazem toda a Diferença.

  11. Parabéns Eudes.
    Texto valioso com dicas práticas e necessárias para a melhor execução de nosso ofício. Conheci seu site hoje e, com certeza, em ótima hora. Estou trabalhando em vários projetos, luto para otimizar meu tempo. Venho de um trabalho ao longo de 20 anos na publicidade, propaganda e eventos, que possuem um “timing” bem diferente de meu trabalho como escritora, e essa adaptação ao novo ainda está em andamento.
    Muito bom conhecer você.
    Mais uma vez, parabéns, paz e sucesso.
    Abraço

    1. Eldes Saullo disse:

      Rose, eu vivi 25 anos na publicidade e sei muito bem como é. Boa sorte para você e quero ouvir noticias de seus livros. Um abraço, Eldes

  12. Marlene Passos disse:

    Você é fantástico! Obrigada pelas dicas.

    1. Eldes Saullo disse:

      Obrigado, Marlene. Sucesso!

  13. gisellevyeira disse:

    Republicou isso em Aquarela Literáriae comentado:
    Valiosas dicas para escritores!

    1. Eldes Saullo disse:

      Obrigado, Tatiana!

  14. Ruth Arnaldo disse:

    Muito Bom!Gosto muito de suas dicas e tento colocá-las em prática.Abraços!

    1. Eldes Saullo disse:

      Obrigado, Ruth. Sucesso com seus livros!

  15. Bianca Sousa disse:

    Adorei as dicas, Saulo! São de ouro. Quero ser tão organizada quanto você algum dia! rs

    Abs.!

    1. Eldes Saullo disse:

      Você tem um excelente trabalho. E que capricho! Abs

  16. Almir Tabajara disse:

    Gostei muito da sua abordagem simples e direta. Escrever é disciplina. Assim como criar o hábito da leitura de outros autores e estilos. Parabéns Eudes. Um forte abraço.

    1. Eldes Saullo disse:

      Obrigado, Almir. Sucesso!

Comente, responda, participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s