Escrevo Para Pagar o Coração – Entrevista com Ana Luiza Medeiros

A entrevistada da vez é Ana Luiza Medeiros, escritora e romancista brasiliense, participante da Casa do Escritor 2016 com a comédia romântica “Minha Lista de Coisas Para Viver”. O livro, disponível em e-book e papel na Amazon, conta a história de Alba, uma revisora que trabalha em uma grande editora ao mesmo tempo em que tenta publicar um livro, mas que encontra resistência de sua chefe. Até que ela esbarra em alguém que vai mudar sua maneira de escrever e também sua vida. Ana Luiza se define como alguém com muito amor pela literatura, que trabalha pra pagar as contas, mas que escreve pra pagar o coração. Confira…


Eldes Saullo: Por que você escreve?

Ana Luiza Medeiros: Escrever pra mim é uma necessidade. A trama vai acontecendo na minha cabeça e, enquanto desenvolvo as palavras no computador, o processo todo me encanta, me faz sentir totalmente satisfeita. Eu não cobro dos meus livros, não exijo que me sirvam de nada além de pura realização pessoal.

Eldes Saullo: Qual foi a inspiração para escrever “Minha Lista de Coisas Para Viver”?

Ana Luiza Medeiros: Minha inspiração começou com escrever uma história sobre duas pessoas naturalmente trazidas uma para a vida da outra, mas que fossem fundamentalmente opostas. Esse seria o pano de fundo.
Minhas heroínas sempre estão passando por crescimento pessoal e descobrindo algo importante sobre si mesmas, enquanto mostram sua força e capacidade ao mesmo tempo. O desafio pessoal da heroína é o que une a tudo e todos na trama, mas a história de amor permeia as paginas e dá o tom certo pras cenas.

Eldes Saullo: Existe algo que você acha mais particularmente desafiador como escritora?

Ana Luiza Medeiros: Pra mim, a parte mais desafiadora de ser escritora é ter sempre que convencer as pessoas que você não está “perdendo seu tempo com algo que não dá retorno financeiro”, porque a recompensa está em outro aspecto da vida. Muitas pessoas não veem o valor que há em criar.

Eldes Saullo: Alguns autores delineiam seus livros, outros escrevem de forma mais intuitiva. Como é seu processo criativo?

Ana Luiza Medeiros: Eu começo sempre com uma premissa, que já me foi revelada em algum momento, e que ficou guardadinha como um lembrete. Quando estou pronta pra começar algo novo, vou lá e encontro o lembrete que mais me chamar atenção.
Daí, em um caderninho, começo a entrevistar os personagens e delimitar a trama. E, finalmente, defino quem é minha heroína, seu nome (isso é muito importante!) e qual é a sua jornada. Depois disto, é sentar na frente do computador e começar a escrever.

Eldes Saullo: Como você faz para divulgar e fazer seu livro chegar a cada vez mais leitores?

Ana Luiza Medeiros: Divulgo muito através das minhas redes sociais, grupos de divulgação de escritores no facebook e através de parcerias com blogueiros literários.

Ana deixa algumas dicas para quem está começando: ler, de tudo um pouco, mas principalmente o que for do interesse, não só para acumular informações, mas para desenvolver o senso crítico e expandir o vocabulário, sua ferramenta de trabalho. “Procure estudar sobre sua arte. Fazer cursos de escrita criativa me ajudou muito a ter mais entendimento e controle do processo. E a respeitar mais o meu dom.”, ela completa.

Você pode acompanhar Ana Luiza Mediros em analuizamedeiros.com

Veja mais detalhes sobre “Minha Lista de Coisas Para Viver” na Amazon. Clique na capa.

***