Ferdinando Casagrande sempre teve o sonho de se tornar escritor.

Aos 12 anos, o paulistano ouviu de uma orientadora vocacional:

“Você jamais vai sustentar uma família com uma carreira dessas, meu filho!”

E se tornou jornalista, uma boa chance de contar histórias e ser publicado, enquanto aprendia mais sobre a arte da escrita.

Deu certo!

Ele fez jornalismo, porque queria ser escritor, e o jornalismo lhe deu a matéria-prima de seu primeiro livro.

E um prêmio logo de cara.

Ler mais

Siga-me!
error