fbpx

7 Razões Para Publicar Seu Livro Sem Uma Editora

Com tantas editoras por aí, por que devo publicar meu livro de maneira independente?  

Meu livro é ótimo e qualquer editor vai publicá-lo tão logo o leia! 

E ainda vai me pagar um caminhão de royalties. 

Vou viver de livros, faturar milhões em vendas… 

Tudo isso vai proporcionar a minha liberdade financeira, não é? 

Eis o sonho de um autor típico. 

Terei tempo para participar de todas essas sessões de autógrafos e entrevistas nas rádios e TVs? 

Aguarde-me no topo do ranking do New York Times. 

Os sonhos são infinitos. 

No início da carreira, os escritores acreditam que é fácil conseguir que seus originais sejam aceitos por grandes editoras ou por agentes literários de grande porte. 

Afinal, todo autor acredita que sua escrita é excelente e que todo leitor adoraria lê-la. Infelizmente, a realidade não funciona bem assim. 

A maioria dos livros não vende mais do que algumas centenas de cópias. 

Dos milhões de livros publicados atualmente, pouquíssimos títulos atingem mais de cem mil cópias em sua vida. 

Por isso, o melhor caminho para um autor iniciante é não ficar esperando acertar na loteria de uma editora e tentar a sorte com a publicação independente. 

As razões para você se autopublicar são muitas:

1. Mais Velocidade

Na publicação independente, você pode publicar seu livro em pouquíssimo tempo, no máximo um ou dois meses, às vezes em menos tempo. 

Na Amazon, por exemplo, você pode publicar seu livro em menos de 72 horas.

2. Menos gastos

Você vende seu livro em papel, e-book e até audiobook. 

Seu livro nunca sai de catálogo e não tem custos de estoque e logística. 

Leia:  A Decisão de Escrever Um Livro

O leitor compra e você não tem trabalho de cobrar e entregar.

 As livrarias fazem tudo isso por você. 

Não é incrível?

3. Mais controle

Você mantém 100% dos direitos autorais, dos rumos da publicação e também da sua marca como autor. 

E recebe religiosamente em dia, além de poder acompanhar os relatórios de vendas praticamente em tempo real.

4. Poder de testar

Você pode fazer testes e, caso um livro não seja bem recebido, você pode despublicá-lo e partir para outro.

5. Mais Liberdade

Você é livre para promover seu livro da forma como bem entender, usando as possibilidades ilimitadas da Internet. 

Através da tecnologia, você pode colocar seu livro nas mãos dos leitores que realmente se interessam por ele.

6. Mais lucro

Os royalties variam de 30% a 70%, você os recebe diretamente e religiosamente em sua conta corrente, sem intermediários, e não precisa dividi-los com ninguém.

7. Mais Felicidade

Na publicação independente, você aprende a desenvolver a proatividade e a determinação para chegar onde deseja chegar. 

E quando você age por você mesmo – aprende, tropeça, levanta, segue em frente – sua satisfação é muito maior. E a felicidade idem.

Se você quer saber como viver de livros sem precisar de uma editora, eu conto o que aprendi em 11 anos como autor independente na Academia da Casa do Escritor.

 

Recomende este artigo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Livraria

    Conheça os e-Books sobre escrita criativa, escrita analítica e marketing literário de Eldes Saullo.

  • Academia

    Avance 10 anos em sua carreira com treinamentos profundos sobre escrita e marketing literário.

  • Casa do Escritor

    Publique seu livro com a qualidade de uma editora tradicional e as vantagens da publicação independente.

Leia Também...

valentina-o-brilho-de-uma-vida-lene-nunes
O Escritor Não é Nada Sem o Leitor
Lene Nunes é uma escritora baiana que se considera...
brendon-burchard
Nove Passos para se Tornar um Expert
Você já se imaginou, alguma vez, como um palestrante...
pescando-leitores
Você sabe pescar leitores?
Você está louco publicar um livro, mas cultiva aquela...
como-escrever-dialogos-eldes-saullo
9 Dicas Para Escrever Diálogos Espetaculares
Uma boa história requer grandes diálogos e escrevê-los...
ambra-blanchett-livros-que-vendem-eldes-saullo
Escrever é a Forma de Viver Outras Vidas
Esta semana entrevistei Ambra Blanchett, autora independente...
inteligencia-artificial-na-escrita-o-futuro-dos-livros
O Futuro dos Livros: Inteligência Artificial na Escrita.
AI vai acabar com a vidas de quem escreve? Ou pode...